R Saldanha Marinho 1365 - Centro - Cachoeira do Sul/RS
Telefone: (51) 3724-4368 | (51) 3724-4378
WhatsApp: (51) 9-9908-6864
Comercial: comercial@portalanoticia.com.br
Redação: redacao@
portalanoticia.com.br
Administrativo: admministrativo@@
portalanoticia.com.br
/JORNALAN

© 2019 - Direitos reservados - Jornal A Notícia - Magaiver Dias

Sesi pronto para oferecer EJA/EAD em Cachoeira

15/10/2019

A Prefeitura de Cachoeira do Sul assinou na manhã desta segunda-feira, 14/10, o convênio com o Serviço Social da Indústria (SESI) para o oferecimento de Educação de Jovens e Adultos (EJA) na modalidade EAD. Ele será destinado para estudantes dos anos finais do Ensino Fundamental (6º ao 9º) e Ensino Médio. Cada fase corresponde a um semestre.

De acordo com a gerente de operações do SESI – Região X, Liege Teixeira, essa EJA/EAD foi pensada especialmente para o aluno trabalhador, pois o método é flexível e adapta-se à vida do trabalhador. Uma vez por semana há um encontro presencial nos polos de apoio. Em Cachoeira do Sul, estes encontros serão no polo da UAB. Ao final do semestre, o aluno realiza as provas de maneira presencial no polo.

 

O pedido para implantação da EJA/EAD do SESI foi feita pelo Secretário de Indústria e Comércio, Ronaldo Tonet em dezembro do ano passado e contou com o apoio dos cachoeirenses Adriano Cauduro, diretor da Fiergs e Moacir Marzari, conselheiro consultivo do SESI – Região X. A EJA/EAD do SESI é gratuita para o trabalhador da indústria e seus dependentes, mas também é aberta para a comunidade, mediante investimento semestral de R$ 654,00, que poderá ser parcelado em até 6 vezes, conforme o mês em que o aluno efetivar sua matrícula.

 

“Estamos em processo de credenciamento de um novo polo junto ao Conselho Estadual de Educação para atender as necessidades de Cachoeira do Sul. Conforme a Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) há mais de 700 trabalhadores da indústria sem escolaridade concluída no município. Conforme o censo, temos mais de 1 mil possíveis alunos que não concluíram o Ensino Fundamental ou Médio”, sintetiza Liege. A intenção é atender 300 alunos no primeiro semestre de 2020.

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

1/2
Please reload