Hilton De Franceschi

24/06/2019

O MORO É HUMANO

 

Muita gente, equivocadamente, endeusou o ex-juiz Sérgio Moro por razões compreensíveis, o supremo desejo de fazer justiça.  Os criminosos eram conhecidos, os crimes evidentes, as provas fartas e os cidadãos impotentes, frente a tantos e tão prestigiados corruptos. Só Deus para prender esses canalhas, orávamos todos já sem esperanças, até que por traz de uma toga preta um homem se fez Deus. Se em algum momento o Ex. Magistrado perdeu a clareza do que é certo e do que errado, os homens até podem condená-los, mas não há mais dúvidas de que ele terá o perdão divino. A operação lava jato, foi um sucesso, não para os réus confessos e seus defensores, que zombam das instituições de justiça, mas para as futuras gerações. O Moro é humano, portanto se em algum momento ele descumpriu as regras, regras criadas por deputados, muitos deles criminosos, foi Deus que por linhas tortas fez a coisa certa.  

 

DIA DOS NAMORADOS 

 

No dia dos namorados, um jovem casal que ocupavam uma das disputadas mesas de um dos prestigiado restaurantes da cidade, chamaram atenção pelo comportamento que tiveram quase que durante todo o tempo que ali permaneceram. Havia uma curiosidade inquietante dos vizinhos de mesa para saber se o abençoado casal eram portadores de alguma deficiência auditiva, uma vez que a comunicação entre eles sóse dava por mensagens do aplicativo entre os dois celulares que não saíam de suas mãos. O único gesto de carinho trocado entre eles foram tímidos sorrisos entre uma mensagem e outra. Uma cena cada vez mais comum entre jovens saudáveis, como aquele casal, mas que ainda vamos custar a nos acostumar.    

 

O COMTRAN PROPÕE 

 

Em uma democracia o cidadão participa ativamente das decisões de governo através das diversas entidades representativas da sociedade. É neste contesto que o COMTRAN - Conselho Municipal de Trânsito – sugeriu, por unanimidade, que a prefeitura municipal implante o estacionamento rotativo não pago.  O que os conselheiros desejam é que a cidade tenha uma experiência inovadora, através de um projeto piloto, onde a prefeituraescolhe uma área determinada, uma rua ou quadra e, sem custo adicional, tanto para o poder público como aos motoristas, permitindo assim a democrática ocupaçãodas disputadas vagas nas principais vias públicas do centro da cidade. Prefeito, o que queremos são boa vontade e consideração para com o cidadão que não suporta mais pagar impostos.  

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

1/2
Please reload

CACHOEIRA DO SUL | RS | BRASIL
(51) 3724-4368 | (51) 3724-4378
(51) 9-9745-8687
redacao@
portalanoticia.com.br
comercial@portalanoticia.com.br
administrativo@portalanoticia.
com.br
/JORNALAN

© 2019 - Direitos reservados - Jornal A Notícia