Cachoeira do Sul/RS
Telefone: (51) 3724-4368 | (51) 3724-4378
WhatsApp: (51) 9-9745-8687
Comercial: comercial@portalanoticia.com.br
Redação: redacao@
portalanoticia.com.br
Administrativo: administrativo@
portalanoticia.com.br
/JORNALAN

© 2019 - Direitos reservados - Jornal A Notícia - Magaiver Dias

Professora mandava fotos proibidas para alunos e exigia “favores” em troca de notas boas

19/11/2017

   Mais um caso envolvendo alunos e professores causou alvoroço na internet. Dessa vez uma professora colombiana, está sendo acusada de abusar dos seus alunos. Segundo informações do site Daily Mail , a docente obrigava os garotos, de 17 e 16 anos, a se relacionar com ela em troca de boas notas.

A professora foi identificada como Yokasta M, caso seja condenada ela  pode ficar até 40 anos na prisão.

 

 

   Informações do Canal 4 revelam que os casos abusos ocorriam na cidade de Medellín, Colômbia, começaram em janeiro e foram até abril deste ano. A professora se aproximava dos alunos através das redes sociais, ela pedia o número do telefone, com a desculpa de“ ajudá-los com a lição de casa”. A mulher que tem, 40 anos, usava o aplicativo WhatsApp para enviar vídeos e fotos íntimas e fazer suas propostas sexuais aos alunos.

  Ela é casada, e convidava os alunos para passar um tempo em seu apartamento, os garotos aceitavam e quando chegavam lá, eram coagidos e obrigados a se relacionarem com a ela. Caso negassem eles eram ameaçados a repetir de ano.

  A professora foi descoberta, após um de seus alunos contar a história aos pais, o adolescente mostrou as imagens, vídeos e mensagens que a professora enviava para o seu celular. Denunciada imediatamente pelos pais ela foi presa.

Seu marido já entrou com o pedido de divórcio.

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

1/2
Please reload